Archive for June, 2011

Mensagem

June 23, 2011

És mão que me tranquiliza e disfarça a tremura dos meus dedos…

És abraço que me ampara a queda invisível e incessante, irmão que nunca tive e que nunca deixarei de ter,

Sorriso malandro de quem gosta de piratas e lágrima que antecedeu a minha e descobriu primeiro o que é amar e ser amado….

Esta viagem é e será nossa.

Obrigado

Advertisements

O Silêncio e a Palavra

June 17, 2011

Fala se tens palavras mais fortes do que o silêncio, ou então guarda silêncio.
Eurípedes, a ensinar que quem muito fala pouco diz.

…em Lisboa, obviamente.

June 2, 2011

Depois de um dia puxado, fui procurar asilo na renião magna, onde os bons amigos se encontram e me revigoram.

À noite, Lisboa oferece-me um príncipio de Festa que me deixou de barriga cheia, pronto para uma boa noite de sono.

Aos amigos e a Lisboa, o meu mais sentido agradecimento.